Seu navegador está desatualizado!

Atualize o seu navegador para uma melhor visualização do site. Atualizar agora!

X

28/
09

Vinícola Panizzon está entre representantes da safra brasileira na Avaliação Nacional de Vinhos 2019

Moscato Giallo é um dos selecionados que foram degustados em evento da ABE
O Moscato Giallo Panizzon é um dos 16 vinhos que representam a safra brasileira 2019 na Avaliação Nacional de Vinhos. A bebida da Vinícola Panizzon foi escolhida entre 300 amostras que participaram do evento e foi degustada por quase mil pessoas na tarde de sábado, 28 de setembro, no Parque de Eventos de Bento Gonçalves.
A avaliação não é um concurso, mas sim um evento que serve para analisar a safra brasileira e escolher a representatividade dela com os melhores vinhos. A Associação Brasileira de Enologia (ABE) descreve que a Avaliação Nacional de Vinhos tem caráter educativo para o público com o objetivo de promover o produto brasileiro e a apreciação da bebida fina.
No evento, os participantes puderam experimentar as bebidas finas e registrar as sensações que tiveram com cada uma das amostras. A Avaliação Nacional de Vinhos é o maior evento do mundo de degustação de uma mesma safra. Para uma vinícola, é uma honra ter uma bebida selecionada.
O Moscato Giallo foi escolhido entre os três melhores vinhos da categoria Branco Fino Seco Aromático, o que quer dizer que a bebida faz parte de uma verdadeira seleção. O evento ainda apresentou bebidas finas nas categorias Branco Fino Seco Não Aromático (3), Tinto Fino Seco (6), Tinto Fino Seco Jovem (1) e Base para Espumantes (3). As bebidas foram selecionadas por uma comissão formada por 120 enólogos de todo país.
O enólogo Diego Grison participou desse time. Grison, inclusive, é responsável pelo desenvolvimento do Moscato Giallo ao lado do enólogo e Diretor Nilzo Panizzon.
“Sou filho de viticultores, cresci vendo e ajudando meus pais cuidar das parreiras e fazendo vinho em casa. Resolvi me especializar na área que convivi a vida toda, a viticultura e enologia. Das parreiras ao vinho, aprendi técnicas com bons professores. Na prática com cantineiros experientes. E a Panizzon por me proporcionar a oportunidade de atuar como enólogo, expor todo meu conhecimento aprendido até aqui e aos colegas de trabalho que ajudaram em todas as etapas de vinificação. Por fim, não importa onde você esteja, faça o seu melhor, saiba ouvir opiniões, confie e acredite nos seus colegas de trabalho que o resultado um dia aparecerá”, agradece Grison.
O varietal Moscato Giallo Panizzon é produzido nos Vinhedos Durans, da própria empresa. O vinho é bastante aromático - com a presença de frutas maduras, como goiaba, maracujá e mamão papaia. Ao mesmo tempo, o sabor é fresco e levemente adamado.